04/03/2012

O poder de investigação do Ministério Público ou A operação Monte Carlo e a omissão da imprensa

Frederico, um caso sério, os nomes dos politicos que chefiavam o bando sumiram, incrível, nadica de nada sobre os presentes, de fogão a geladeira, dados por Carlinhos a Cachoeira a Demóstenes Torres. Nadica de nada sobre os cargos que Carlinhos Cachoeira tinha no governo de Goiás. Nadica de nada sobre o preso Wladimir Garcês(PSDB-GO), ex-presidente da Câmara Municipal de Goiânia. Os chefes mesmo não são citados. Gente fina é outra coisa.
Sobre as gentilezas de Cachoeira para com Demóstenes, aliás, associação ao crime organizado não é quebra de decoro parlamentar?
Para ir ao texto na íntegra clique aqui

Nenhum comentário:

A História do SPIN