Translate

29/03/2018

O Egito é aqui...

Com essa classe dominante, estamos é num mato sem cachorro...senão vejamos:

...os EUA grampearam não só a Petrobrás como  a presidente Dilma, bem como, noutro momento, a grampearam novamente, agora para que o Moro desse a cacetada final na democracia, a derrubasse e colocasse no poder aqueles que, apesar de verdadeiramente corruptos, eram entreguistas, o que bastaria aos donos do golpe...
.... o que o STF  fez diante dos grampos a não ser ameaçar Dilma caso ela, no seu papel de defender o interesse nacional,  denunciasse ao mundo que ela estaria sendo vitima de um golpe de Estado

????? (http://g1.globo.com/politica/processo-de-impeachment-de-dilma/noticia/2016/05/stf-notifica-dilma-para-explicar-acusacao-de-que-sofreu-golpe.html)

....nessas horas, apesar do seu aparente poderio, a Globo é apenas fantoche insignificante, da mesma forma que é prá lá de insignificante a burguesia de Pindorama que, como sabemos, está levando na tarraqueta...caramba, o povo da Fiesp não tá levando nada, americanos, noruegeses, ingleses, chineses estão abocanhando tudo, com direito a Carmem Lúcia num regabofe prometer  a Shell prender silenciar Lula...

..... da mesma forma que esses fascistas que atacaram a caravana de Lula, mal sabem a quem servem, a Globo também não sabe, ou talvez saiba mas, como todo o resto da nossa elite, seja mesmo a do atraso e, antes de tudo, suicida, que se contenta com o papel de colônia e pais escravo de outras nações....

... se bem que ao fazer o preâmbulo da Lava Jato, o Moro já tenha dito que iria "desnacionalizar" a economia, termo que ele usou para referir-se a entreguismo e virlalatismo (https://jornalggn.com.br/noticia/historia-do-golpe-como-a-lava-jato-foi-pensada-como-uma-operacao-de-guerra-por-luis-nassif)

Alguma dúvida de que o ápice da "desnacionalização" a la Moro será a compra da Globo por algum grupo estrangeiro....esperar o que dessa zelite peidorreira, perdulária e sem projeto de nação....



O Egito é aqui....

Com o fracasso da Primavera Árabe no Egito, veio a ferrenha ditadura Sissi

Para sair vitorioso na eleições, Sissi  prende ou assassina opositores ao regime golpista: qualquer semelhança com o que se passa no Brasil não é mera coincidência

Com opositores presos ou assasinados, e com alta abstenção, ele Sissi se eterniza no poder, com votação próxima a 100% dos votos apesar de odiado pela população que, desiludida, não vai às urnas

O Egito é aqui:

"(...) A menos de um ano da realização das eleições presidenciais, marcadas para julho de 2018, e com a maioria da população insatisfeita com o governo de Sissi, oposicionistas e ativistas políticos estão sofrendo com perseguições e prisões no país.

Um deles é o candidato pelo Partido Pão e Liberdade, Khadi Ali, do qual é fundador, e que foi preso no dia 23 de maio. Para os advogados de Ali, não há base legal para prendê-lo.



https://www.cartacapital.com.br/internacional/governo-do-egito-persegue-oposicionistas-a-um-ano-de-novas-eleicoes



Três ameaças às eleições presidenciais no Egito João Paulo Charleaux 24 Jan 2018 (atualizado 19/Fev 15h00) Prisões de manifestantes, cerco a ONGs e perseguição a adversários do presidente Sisi reforçam sensação de fracasso da Primavera Árabe




https://oglobo.globo.com/mundo/em-eleicao-controversa-no-egito-unico-oponente-do-presidente-seu-aliado-22342969

Nenhum comentário:

Postar um comentário