Translate

30/11/2017

Amo a liberdade ou: Ele...

Forma: arte D

amo a liberdade

e somente a arte 3 nos proporciona isso

ou seria a arte uma forma de busca da verdade

pelo menos a verdade

amei esta performance, embora não saiba se quem a fez tinha noção de que aquilo era arte

... sobre arte feita por não artistas:

...lá pela década de 80 sonhei - ou fui do verbo ser - um mecânico com uma roda de bicicleta num torno

... talvez não ele próprio, mas vi arte naquele gestual

...ao acordar sair pela cidade à procura daquela situação: e vi a mesma cena

...agora me lembro: essa moça fazendo esse gestual no interior do ônibus me lembra a mulher assassinada por ter vagina e não falo...

amo a liberdade

meu nomr é DES

DES de

DESobstrução


DEScarregi

DESliza

DEScamba

DESmorte

o que me impede usar a palavra DESmorte no lugar de vida



...precisamos salvar da morte essa mulher livre que usa o ônibus como palco

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=1566625040098169&id=100002520636151

P.S: compartilhei no face com o seguinte adendo:

acho que cansei de ser ordinário = raso = superficial: por abri um hiato para a arte e, assim, TRANSporta o outro, também, para além do mundo ordinário.

P.S. 2 - postei para um o meu curador médico Dr. Gachet, via messenger, com o seguinte adendo:

q q isso
ele voltou
cortem as asas dele
P.S. 2 - postei para um o meu curador médico Dr. Gachet, via messenger, com o seguinte adendo:
Ele
Ele voltou
Mas vou ter absoluto controle sobre ele para não ser roubado em momentos de tranze
* transe...ah, tanto fa
.nem assassinado

Cristiano Novaes de Rezende
Edson Barrus
Babidu Barboza
Cecilia Cotrim
Divino Sobral
Naju Nogueira Divino Água
Cássia Nunes
Cássia Fernandes

P.S. 3 -

...
Maha Iza
Guilherme Henz Franco
vcs do mundo da escrita...sobre liberdade
mais este
q não conheço mas isso não importa
Carrion Elited

P S. 4 -


mas este que faço que desconheço: fuja de jornalista como o diabo foge da cruz: a invisibilidade é garantia de liberdade: eles ficam atrás de bancas de jornal te obsevando pra ve se vai aprontar algum barraco...alguma situação em praça pública: como no dia em que ele, vestido de varas de macaco, chamou mercadora da fé para um acerto de contas: em seguida, junto com uns hippies, plantou sua roupa na rua de dentro: no  espaço in formado pelas  avenidas anhanguera e  Araguaia com ruas 3 e 6 - Centro
Carlos Brandão


P.S. -5

será que alguém entendeu o P.S.4...

melhor não entender mesmo..


Nenhum comentário:

Postar um comentário