07/01/2009

Hoje é meu aniversário

Que dia maravilhoso = intenso
Não sei como definir
É como se o mundo estive se tornado por demais pequeno para mim
Gaza está aqui
Estou em Gaza
Apesar das bombas caindo sobre meu corpo estou feliz
Ai daquele que duvidar da minha intensa felicidade
Sou assim mesmo
Feliz até na hora da morte
Grato,
Idéia Sem Matéria

Em forma de spin, não spin sem giro, mas spin giratório, às vezes mortífero nem sempre, às vezes vivificante
Já rodei tanto o mundo que sinto que minha tarefa está cumprida neste planeta, caso eu morra a semente ficou plantada e haverá de germinar, crescer, reproduzir-se e morrer feliz
Sempre
Eternamente

Eu sei que muitos não me compreenderam e, por falta de compreensão, tentaram me assassinar de todas as formas
arma branca
arma de fogo
veneno
estrangulamento
no entanto o espírito absoluto, aquele que não tem consciência, que é consciência, não permitiu
mas que agora estou livre para partir
não para um planeta construido
mas para outro lugar bem inferior a este
sou assim
adoro o inferno (deletar)

desculpem-me
não era para estar escrevendo aqui e sim noutros lugares
tenho 74 livros abertos para serem escritos por nós
caso eu morra de repente continuem minha obra
isto aqui não é meu
roubem-me, roubem minhas idéias
exceto os publicitários, estes bobalizam = matam as coisas, se bem que gosto de certas frases escritas em cartazes de propaganda, como uma que vi agora na marca Scot "Grandes Idéia Que Colam"
também não gosto de pessoas que dizem justas mas que, na verdade são injustas, como por exemplo o Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal
não gosto de pessoas que me perguntar quem sou
não sei porque entro em pânico quando me indagam "quem é você?"
dias atrás um me perguntou isso no orkut
simplesmente deletei a pergunta dele
contradicção inaceitável
tenho que ir,
não posso mais ficar aqui,
não à transgressão
isto aqui é uma bússola e não um blog
estou aqui
http://www.josecarloslima7.blogspot.com/

Atualizado em 7/1/2009 - 12:19 horas

Voltei para retificar-me
É que menti ao dizer "adoro o inferno"
Adoro não, desculpem-me a falta de freio, a alta velocidade no momento daquele discurso
Já estive lá onde disse que adoro e, por ter passado lá, posso afirmar, por experiência própria, que não adoro
Isto aqui não é um blog mas uma bússola, não posso escrever aqui,
Este enredo continua noutro local
Estou aqui
http://josecarloslima8.blogspot.com/
isso

Nenhum comentário:

A História do SPIN