16/01/2014

Quem matou Jesus



E por acaso é isso que ele recebe em troca por, assim como se fosse e é um atlas, spin deus, humano, carregar o mundo nas costas: Uma criança assassinada como presente na nascente do rio no momento em que construia a obra "O Enterro da Morte" e foi quando enterrou ponta-cabeça os tubérculos cebolas bravas e foi quando decretou que a morte estava enterrada encerrada terminada ao mesmo tempo em que há uma verdade insofismável: A loucura é mil vezes pior que a morte.  É esse o tal barbosismo, essa cykty



E por acaso é isso que ele recebe em troca por, assim como se fosse e é um atlas, spin deus, humano, carregar o mundo nas costas: Uma criança assassinada como presente na nascente do rio no momento em que construia a obra "O Enterro da Morte" e foi quando enterrou ponta-cabeça os tubérculos cebolas bravas e foi quando decretou que a morte estava enterrada encerrada terminada ao mesmo tempo em que há uma verdade insofismável: A loucura é mil vezes pior que a morte.  É esse o tal barbosismo, essa cykty



Alex(andre) spin amigo humano, quase fui assassinado por um deicida
Eles continuam ali
E se por acaso eu for assassinado avisa a minha familia o motivo: A construção de uma obra de arte
Os videos fotos da obra estão comigo e eles estão no meu encalço e por isso estou usando esta buka islâmica cristã
Eu não pensava que o ser humano fosse tão vil e com capacidade tão grande de disfarce
Imagina só que eu estava tranquilo filmando a pode de uma árvore pela Empresa de Limpeza Urbana e o faxineiro me ameaçou de morte e fez sinal de que iria sacar uma arma
Que crime eu estava cometendo é que não sei, até mesmo pq dias atrás fiz o mesmo registro e os empregados escravos faxineiros da Limpeza adoraram e eles até me deram um trono de presente
Francamente não entendi, volto ao assunto, estou em estado de choque
Alexandre, preciso da sua ajuda

Em tempo: Vou ver se consigo publicar dois videos que demonstram pq quase fui assassinado: A arte


ASSIM COMO SE FOSSE UM ATLAS



E por acaso é isso que ele recebe em troca por, assim como se fosse e é um atlas, spin deus, humano, carregar o mundo nas costas: Uma criança assassinada como presente na nascente do rio no momento em que construia a obra "O Enterro da Morte" e foi quando enterrou ponta-cabeça os tubérculos cebolas bravas e foi quando decretou que a morte estava enterrada encerrada terminada ao mesmo tempo em que há uma verdade insofismável: A loucura é mil vezes pior que a morte.  É esse o tal barbosismo, essa cykty




Socorro ALEX AMPAdor da liberdade de expressão, esse não pe Alex e sim Caronte, cruz in credo


Nenhum comentário:

A História do SPIN