26/01/2014

Voltei ou: A macaquice após 3 milhões de anos ou: A Percepção Através dos Tempos

Voltei
Spin com 7 lugares não existe pelo menos enquanto máquina
O spin foi dividido em 5 partes, o tempo ou ideia e na verdade não sei até mesmo pq não consultei o Deus Ex Machinna para, após a consulta, bradar várias vezes
Agora sei
Agora sei
Agora sei
Ah, não sei pq está me dando um desprazer enorme falar deste assunto: A percepção através dos tempos
E quando a gente não está a fm, faz macaquices não é mesmoto
Que tal uma série de obras intitulada alguma coisa de Ideia, o personagem A
A cegueira de Ideia
O Quarto de Ideia
O Ñ Sei lá o Q de Ideia

Ontem escrevi isso:
Ai ai ai ai pensei que não fosse chegar aqui
Que dia feliz
Acabei de viver a mais terrível experiência durante o sono
O cego
Eu aqui na rua de casa com uma tira de pano vermelho sobre os olhos
Um pano que não conseguia tirar
E estava cego
Não podia voltar prá casa apesar de tão perto
Olha o assaltante, que medo
Peguei o rumo de volta e pensei: Vou usar as mãos para enxergar
Cheguei a um certo ponto onde imaginei ser perto da minha casa
Pus as mãos sobre o portão e ouvi o latido de um cão
Não é aqui, não tenho cães
Nem esta corrente com cadeado no portão
Ah como eu queria tanto ter minha visão de volta e, tendo-a, vou cuidar melhor dela, ir ao médico, etc
(    ) Negação da negação
Já estava no limite, exato, quando acordei
E vi que era um sonho
E sei que não é apenas isso mas ensinamento revelação

Um momento vou ali fotografar este sonho, volto já,,..

Ah, e vai que eu morra e não diga o básico: Que há dois tipos de cegueira, a fisica, que vivi nesta noite em forma de revelação de sonho e a cegueira do Burro Midas Rei Joaquim Barbosa

Eu volto, tá

Voltei

                                                               Clique na imagem para ver





@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@
Fim do Momento 1

Momento 2: Forma
Dar visualidade a este sonho


Momento 3: Conhecimento

a viseira do burro midas
..

acordei e continuei vendo coisas

rasgando uma faixa de propaganda
 e por ultimo a velha com duras tiras de pano na nuca

foi ela

essa velha do corpo fechado.

cu..








Último aviso: Esta minha obra, como era de se esperar, tem sido alvo de ataques, é da natureza do spin a criação e a destruição, tudo o que for declarado como acabado terminado, será extinto, por isso essa obra não pode ser terminada.



Esses PAN oS span que adoram fazer macaquices ontem destruiram minha obra após ataques virtuais reais para o Google me confundir com um deles e, assim, me destruir minha obra, tornar-me invisível dos serviços de  busca, como eu demonstro, eis a tela abaixo, vejam só como ficou minha obra ontem por alguns intantes e isso já se repetiu tantas vezes, e numa das vezes foram mais de 30 dias desse jeito:


        Voltei                      


                                                        Clique na imagem para ver








Acabei de viver a mais terrível experiência durante o sono
O cego
Eu aqui na rua de casa com uma tira de pano vermelho sobre os olhos
Um pano que não conseguia tirar
E estava cego
Não podia voltar prá casa apesar de tão perto
Olha o assaltante, que medo
Peguei o rumo de volta e pensei: Vou usar as mãos para enxergar
Cheguei a um certo ponto onde imaginei ser perto da minha casa
Pus as mãos sobre o portão e ouvi o latido de um cão
Não é aqui, não tenho cães
Nem esta corrente com cadeado no portão
Ah como eu queria tanto ter minha visão de volta e, tendo-a, vou cuidar melhor dela, ir ao médico, etc
(    ) Negação da negação
Já estava no limite, exato, quando acordei
E vi que era um sonho
E sei que não é apenas isso mas ensinamento revelação
Fim do Momento 1

Momento 2: Forma
Dar visualidade a este sonho


Momento 3: Conhecimento

a viseira do burro midas
..

acordei e continuei vendo coisas

rasgando uma faixa de propaganda
 e por ultimo a velha com duras tiras de pano na nuca

foi ela

essa velha do corpo fechado.

cu..

Conhecimento:

http://www.sbfisica.org.br/rbef/pdf/v20_122.pdf

Ai ai ai ai pensei que não fosse chegar aqui
Que dia feliz
Acabei de viver a mais terrível experiência durante o sono
O cego
Eu aqui na rua de casa com uma tira de pano vermelho sobre os olhos
Um pano que não conseguia tirar
E estava cego
Não podia voltar prá casa apesar de tão perto
Olha o assaltante, que medo
Peguei o rumo de volta e pensei: Vou usar as mãos para enxergar
Cheguei a um certo ponto onde imaginei ser perto da minha casa
Pus as mãos sobre o portão e ouvi o latido de um cão
Não é aqui, não tenho cãeso sou
Nem esta corrente com cadeado no portão
Ah como eu queria tanto ter minha visão de volta e, tendo-a, vou cuidar melhor dela, ir ao médico, etc
(    ) Negação da negação
Já estava no limite, exato, quando acordei
E vi que era um sonho
E sei que não é apenas isso mas ensinamento revelação

Um momento vou ali fotografar este sonho, volto já,,..

Ah, e vai que eu morra e não diga o básico: Que há dois tipos de cegueira, a fisica, que vivi nesta noite em forma de revelação de sonho e a cegueira do Burro Midas esses span tolos me eliminaram dos serviços de busca do Google e até parece que esquento com isso(a invisibilidade),,humm,,pelo contrário, até me divirto,,afinal de contas entre 4 paredes pinto e bordo olh
Hoje são 5 de marte de 3.000.000.014 onde em cujo armário este post será guardado

Nenhum comentário:

A História do SPIN