13/07/2011

Arte em processo (/Transversalidade)

Nesta noite sonhei ou olhei ou fui  uma reta transversal no plano ou espaço ou olho ou ser

Não foi intencional a inserção da reta transversal no tópico desta postagem. No entanto trata-se do conteúdo de um dos sonhos ou visões desta noite, um ou outro termo, sonho ou visão, ou seja, apreensão em estado de dormência ou vigília, pois que não me lembro ao certo se vi durante o sono ou quando estava acordado, como sempre faço, de olhos fechados,  sobre a cama, ao despertar.
Não ingeri nenhum barbitúrico a não ser uma polpa de maracujá para dormir mais um pouco, pois acordei por volta de 5 horas e, para facilitar o sono fiz isso.
Acordei as 5 horas após ter sonhado com uma festa para o conhecimento, era um colégio e havia o terceiro andar, o segundo e o térreo.
No terceiro andar as pessoas
No segundo andar o som e a luz ou cosmos representando naquele ambiente
O spin iluminador foi magistral ao compor aquela iluminação que consistia em milhares ou milhões ou bilhões de bolas de luz se movimentando em sentido orbital, o que deu-me a sensação de estar no meio do cosmos observando todas as estrelas ou planetas ou luas assim como se fosse, e era, o Integral Perfeito tão perto ou distante
De tão belo o som naquele ambiente, fiquei desligado de tudo
Desci para o térreo e havia lixo num quarto, o teófilo....eu com a chave do banheiro
Usei o banheiro cuja chave estaria com o teófilo....eu
Não deveria haver uma chave em pode de alguém.....eu e sim liberdade para todos
Na verdade trata-se de uma das leis do Integral Perfeito a obrigatoriedade de banheiro em cada loja
Inaceitável que na realidade atual ou rasa a gente entre num banco e não possa usar um banheiro numa hora de emergência ou diarréia
Sim, todas as coisas sou eu
Eu eu eu eu eu eu
Quer dizer, todas as coisas com as quais sonho ou olho ou sou
Vi isso nesta noite, um irmão me disse que, no sonho, a Neide, era eu e, portanto, eu deveria escrever assim:
Neide....eu
Máquina, reta perpendicular, protocolo, medo, festa......eu, eu, eu, eu, eu
Eu sei que esta obra está por demais incompreensível para alguns
É verdade, a cada dia relatos esparsos
(   ) Espalhado em várias direções
Tem hora que é medicina, noutro momento política ou história ou arte...
Está coberto de razão quem pensa assim, eu também estava preocupado com esta cantiga de grilo, este ritual que chega a ser massacrante, pois que sem nada palpável, enfim, sem um resultado ou direção
E por acaso eu não disse que isto era uma coisa em processo
(    ) Nada conclusivo, continuará assim
No entanto, no sentido de ser dar um formato mínimo para a condução desta cantiga incompreensível para alguns, nesta noite sonhei ou vi-me no Serviço de Protocolo da Justiça
O atendente encontrava-se no interior de uma gurita quando chegei com a petição
Tal documento seria protocolado e, partir dali, dado início a um processo formalizado, sendo que os anexos são estas postagens da série "Arte em Processo"
É verdade, a internet é muito rápida, nem sempre as pessoas leem, elas dão uma olhada por cima, ainda mais se não se trata de coisa ditaa por gente famosa
E por acaso não faço parte da base da pirâmide
Sim, faço, nesta noite sonhei com um gráfico demonstrando isso,  as pessoas do alto da pirâmide riscadas e as de baixo não
Como os nomes do topo da pirâmide estavam riscados, não havia nenhuma referência a eles, a não ser a indicação de que se tratavam de nomes apagados ou mortos
Fulano Sicrano
Fulano Sicrano Beltrano
Fulano Sicrano Beltrano Fulano
Fulano Sicrano Beltrano Fulano Beltrano

Com referência a estes nomes na parte de baixo, os quais não estavam riscados, estava escrito "hoje estariam aqui tantos outros que pensam diferente"

Enfim, havia vida na base da pirâmide.
Tenho que sair para arrumar meus dentes,
Fui

08:00 - Voltei, acho que ainda dá para escrever um pouco
Lembrete.....escrever a petição e dar entrada no Serviço de Protocolo do Poder Curador,  pois que não existe esta coisa de Poder Judiciário, isto, o PJ, são lembranças do passado presentes
Se nesta noite sonhei que havia dirigido-me ao Poder Judiciário, sonhei errado
Não se trata de Poder Judiciário e sim Poder Curador
Todos aqueles juizes fazendo papel de médicos, alguns especialistas em pessoas jurídicas, para que matem estas pessoas jurídicas criminosas, como estes jornais ingleses que bisbilhotavam a vida alheia, do Murdoch, não sei a grafia exata, isto não interessa, eles estão aqui também, nas redações de TVs, jornais, revistas, spin verbalizadores, pessoas jurídicas, eles põe palavras nas bocas das pessoas e, assim, constroem o mundo

Fui

08:10 - Fui, ainda dá para escrever mais um pouco
Dar entrada com a petição que são estas anotações dos sonhos ou visões desta noite.
É para isto que existe o Poder Curador nas cidades-estados onde prevalecem as leis do Poder Curador
Sim
Muitos nomes serão riscados do mapa, este médico tirano que me mutilou, um criminoso ou doente, ele é sózia do Fernandinho Beira-Mar, eu deveria ter fugido dele, e teria feito isso se tivesse atentando para os ensinamentos de Cesare Lombroso.





Sobre  o transversalismo, apreendido nesta noite durante o sono ou vigília, não me lembro ao certo:  "A transversalidade como abertura máxima para a didática e a formação contemporâneas"...........Margarita Victória Gomes, Unincor, Brasil


 .
Fazendo um spin na rede - I

Cultura do travesseiro

http://culturadetravesseiro.blogspot.com/

sonho: solenidade para aquele que se formou
Grande salão com luz, pontos, som.
Salão vazio.

Ciencia.

Sem banheiro.

Socrates (1970), filme: http://video.google.com/videoplay?docid=-261160500537418464&hl=pt-br

Iluminação cênica, entrevista com Ney Matogrosso:

http://video.google.com/videoplay?docid=-105269369741251932
Vacina
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Searchtool.svg


"(...)

A vacinação de qualidade é uma das formas mais importantes na prevenção de doenças infecciosas.

As vacinas (que o nome advém de vaccinia, o agente infeccioso da varíola bovina, que, quando é injectado no organismo humano, proporciona imunidade à varíola no ser humano) são substâncias, como proteínas, toxinas, partes de bactérias ou vírus, ou mesmo vírus e bactérias inteiros, atenuados ou mortos, que ao serem introduzidas no organismo de um animal, suscitam uma reação do sistema imunológico semelhante à que ocorreria no caso de uma infecção por um determinado agente patogênico, desencadeando a produção de anticorpos que acabam por tornar o organismo imune ou, ao menos mais resistente, a esse agente (e às doenças por ele provocadas).

São geralmente produzidas a partir de agentes patogênicos (vírus ou bactérias), ou ainda de toxinas, previamente enfraquecidos. Ao inserir no organismo esse tipo de substâncias, fazemos com que o corpo combata o agente estimulando a síntese de anticorpos, que protegem o nosso organismo, além de desenvolver a chamada memória imunológica, tornando mais fácil o reconhecimento do agente patogênico em futuras infecções e aumentando a eficiência do sistema imune em combatê-lo. Quando o corpo é atacado por algum agente patogênico não chega a desenvolver a doença porque o organismo encontra-se protegido.

Os vírus se multiplicam sem controle (gerando doenças) em um organismo, se encontrarem terreno favorável para isso. As vacinas previnem doenças como hepatite, febre amarela e sarampo.

Tal forma de medicação já existia há bastante tempo, tendo sido usada por chineses e povos do mediterrâneo, muitas vezes na forma de medicina popular. Louis Pasteur celebrizou-se pela formalização científica da vacina.
Índice

História

O criador da primeira vacina, contra a varíola, foi Edward Jenner. Em 1796 Jenner observou que as vacas tinham nas tetas feridas iguais às provocadas pela varíola no corpo de humanos. Os animais tinham uma versão mais leve da doença, a varíola bovina.

Ao observar que as moças responsáveis pela ordenha, que comumente acabavam infectadas pela doença bovina tinham uma versão mais suave da doença, ficando imunizadas ao vírus humano , ele recolheu o líquido que saía destas feridas e o passou em cima de arranhões que ele provocou no braço de um garoto, seu filho. O menino teve um pouco de febre e algumas lesões leves, tendo uma recuperação rápida.

A partir daí, o cientista pegou o líquido da ferida de outro paciente com varíola e novamente expôs o garoto ao material. Semanas depois, ao entrar em contato com o vírus da varíola, o pequeno passou incólume à doença. Estava descoberta assim a propriedade de imunização (o termo vacina seria, portanto, derivado de vacca, no latim).

Jenner ficou mundialmente conhecido como sendo o inventor da vacina, mas parece não ter sido o primeiro de empregar a vacinação. Afirma-se que os chineses tenham desenvolvido uma técnica de imunização anteriormente à Jenner. Eles trituravam as cascas das feridas produzidas pela varíola, onde o vírus estava presente, porém morto, e sopravam o pó através de um cano de bambu nas narinas das crianças. O sistema imunológico delas produzia uma reação contra o vírus morto e, quando expostas ao vírus vivo, o organismo já sabia como reagir, livrando os pequenos da doença[1].

A vacina é produzida com o vírus atenuado ou morto. Este produto é injetado em pequena quantidade no paciente.

O corpo reage ao vírus, e vai criando novos anticorpos adaptados ao vírus e quando a doença chega , determinada a atacar , o corpo já tem sua defesa.O problema é que as vezes o vírus sofre mutações genéticas e novas vacinas devem ser criadas nos dias de hoje. (Wikipedia)

Fazendo um spin na rede - II

Globo News, via Gilberto Cruvinel: Assista aos vídeos Antônio Cândido comenta o legado de Oswald de Andrade  O professor e crítico literário Antônio Cândido esteve na abertura da Flip e contou para uma grande plateia curiosidades sobre a vida de Oswald de Andrade. O crítico literário fala da influência dos trabalhos de Oswald de Andrade em diversos campos da arte e da cultura nacional.
Aplaudido de pé antes mesmo de ter seu nome anunciado, o mestre Antonio Candido encantou a platéia na abertura da FLIP. Avisou que estava ali para dar o testemunho de um amigo que acompanhou Oswald de Andrade nos últimos anos da carreira dele
Regina Goes, no blog da Maria Frô: criança conversa faz perguntas sobre relação homoafetiva. O importante é que vocês se amam, dá a entender o menino. Para assistir ao vídeo clique aqui.


Antônio Cândido: O socialismo é uma doutrina triunfante

Em tempo:
Sobre a imagem que ilustra este poste, para ir à fonte clique aqui
Presente em Bizâncio pelo menos desde o século XI, é pela primeira vez representada no manuscrito d’Herrade de Landsberg. Os estudiosos dos instrumentos do período estão de acordo em afirmar que a flauta transversal, bem como as flautas retas, tinham formato cilíndrico.

Lembrete,,,....nesta noite num outro momento sonhei ou vi, não me lembro ao certo se vi em estado de vigília ou sono, uma multidão de máquinas estacionadas no começo da mata  verde, sendo que já havia um bom pedaço do matagal derrubado por aquele maquinário.
(    ) Fazer uma petição ao Poder Curador sobre a contradição entre os animais e as pessoas jurídicas na cidade-estado
Meu tempo se esgoto, quer dizer, se esgotou ou acabou, o dentista!
Fui

Atualização - 13/7/11

Nenhum comentário:

A História do SPIN