04/03/2009

Mudei de Cor

Mudei de blog
Nossa, esqueci de salvar a cor anterior
Se não salvei a cor d´antes como saber que mudei
Tudo bem, para quem me conhecia, mudei
De forma que a mudança de cor só serve para quem me conhecia
Para quem acabou de chegar não mudei
Continuo da mesma cor


Eu quis dizer que mudei de cor,
A cor do blog
Isto

O sonho desta noite fez-me mudar de cor
No sonho, durante a dormência, perdi-me
Fui parar num território aquilo
____________
inimigo

Morrerndo de medo, aproxima-se um rapaz isto
_________________
amigo, aliado

Ele me alerta.
Ele: por aqui todo mundo já foi assaltado, até dentro de casa.
Eu: sigo em frente, percebo que a rua é uma viela sem saída.
Noto que a miséria por ali é de matar.
Os moradores eram tão pobres que as casas era desarranjadas
Não há muros mas apenas uma cerca de arame farpado quebrado
E uma mata verde

Amanhã não sei a cor deste blog
Talvez eu sonhe com uma nova cor
Os sonhos são assim,
Tão inconstantes como "Os Bichos" de Ligya Clarck

Nenhum comentário:

A História do SPIN