16/09/2009

Re: não ao ensino religioso facultativo na escola publica

MAB - 3/70 (I)

Caro Edson,

Engraçado, isto fez-me lembrar do sonho desta noite, onde eu estava numa sala de aula.
Uma pessoa sem informação na cabeça, porém fanática, disse que em nome de Deus comia larvas de insetos. Como se tratava de declaração de um fanático a professora não contestou, se bem que franziu o rosto diante do relato.

Ao invés de contestar o fanático, a professora distribuiu bombons na sala de aula, chocolate, menta, jabuticaba. Este gesto não deixou de ser uma contestação ao relato do fanático. Ao invés de larvas de inseto ela nos ofereceu aqueles bombons.

Como os sonhos falam sempre de nós mesmos e não do outro, vai quer que estou tendo algum problema desta ordem, o meu apego a MAB, o que terminou se revelando na extrema vigilância da minha parte. Vai ver que sou o fanático que está a comer larvas de inseto, este fanatismo que cega.

Devo ter sonhado com isto porque ao dormir esqueci a televisão ligada e, altas horas da noite, ao acordar, vi que os fiéis relatavam seus falsos relatos de ocorrências de milagres, e o pastor só arrecadando.

Grato,

Zé Carlos louco por MAB

2009/9/16 edson barrus <edson_barrus@ig.com.br>
imaginem se o ensino religioso na escola publica ficar na mão de um fanatico

http://www.senado.gov.br/agencia/default.aspx?mob=0

a votação encontra-se no lado direito da tela, mais ou menos na metade da pagina,

abraços

--
edson barrus
http://web.me.com/edsonbarros
http://www.youtube.com/user/edsonbarrus

___________________________________
Abaixo, logo após a palavra "contemporânea" clique em mab1 para acessar os demais capítulos desta monografia

Nenhum comentário:

A História do SPIN