06/12/2008

Não quero mais surtar

Clique na imagem para ampliar
Incrível como fui tão relapso com minhas coisas, meus escritos
Nada disso a que se refere o jornalista Carlos Brandão está comigo
É que eu usava emails para escrever e transmitir os textos às pessoas
À medida em que ia escrevendo ia abandoando os emails, enjoava e abandonava, de forma que, com o tempo, eram tantos emails e senhas, que perdi todos, muitos com algo em torno de 5 mil textos
O que fazer diante desta situação?
Reconstituir?
Reescrever?
Ocorre que o contexto é novo, uma escrita agora, embora sobre o mesmo tema, será totalmente diferente daquela época, décadas de 80 e 90
No momento estou me esforçando para não perder o equilíbrio, por isso quero escrever pouco, é que já percebi que quanto mais escrevo mais enlouqueço
E não quero
Não quero fazer como antigamente, quando eu trocava a pessoa que mais amava pelo ato de escrever, um tipo de surto
.

Nenhum comentário:

A História do SPIN